Seja Bem Vinda!!

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Meninas: Dicas para esticarrrr sua grana!!

"Tá sobrando dia no fim do seu salário?"  Saia desse aperto ainda neste mês!!

* Menos café na rua
Faça as contas agora mesmo: dá pra economizar uns bons R$50,00 se deixar pra lá aquele docinho no meio do dia ou se, em vez de dois, tomar só um café na rua.

* R$ 1 por dia
Sua bolsa tem moeda caída pra cá e pra lá, então, que tal pegar esses trocados e guardar R$ 1 por dia? Não é difícil. Até dia 20 você terá juntado R$ 20, o que dá pra pagar a pizza  do último fim de semana do mês.

* Nota alta no bolso
Repare: uma nota de R$50 dura mais na sua bolsa do que cinco de R$10. Uma pesquisa mostrou que pensamos duas vezes na hora de gastar com bobeira quando temos notas graúdas  Fique ligada!

* $ó ele faz
" O dinheiro não dá felicidade.
Mas paga tudo o que ela gasta."

* Olhe a validade!
Opte por itens que você usa por mais tempo. Por exemplo, se for comprar um pão doce que comerá em dois dias, prefira gastar com barrinhas de cereais, que têm preço parecido e maior validade, além de serem mais saudáveis.


Salão de terça!
Os salões de beleza costumam oferecer descontos no começo da semana. Fazer as unhas e os cabelos sai mais barato até quarta - feira. Programe-se e economize.

* Plano de celular
É tanta promoção, desconto e pacote de celular que a gente fica confusa na hora de poupar. O site www.liguebarato.com.br/ lista e compara promoções da Oi, Tim, Vivo, e Claro. O portal http://www.pricez.com.br/ a orienta a escolher o melhor plano.

* Compra do mês programada

Antes de ir ao supermercado, faça a lista do que você precisa, pesquise os preços antes e confira promoções. Outra dica superimportante pra economizar é não fazer compras quando estiver morrendo de fome!

* Economista virtual

O site https://www.organizze.com.br/ é gratuito, fácil de mexer e ajuda você a descobrir pra onde o dindim está escorrendo. Ele traz planilhas de contas e gráficos que mostram suas despesas e seus ganhos. Só precisa de nome e e-mail para usar.


                                                                                                                Revista Viva edição 676 pg 42

Pai Rico Pai Pobre

Eu li este livro há pouco tempo e acho que todos deveriam conhece-lo pois a ideia do livro é desenvolver a inteligência financeira das pessoas. E como ela pode ser empregada para resolver diversos problemas do cotidiano. Para o autor Robert Kiyosaki, sem um treinamento financeiro, nossa vida se torna um ciclo de ações padronizadas. Trabalhar, poupar, fazer empréstimos e pagar impostos. Ora, mas existem outras formas de destinar esse dinheiro...

Vou colocar aqui uma parte pequena do inicio do livro que acho interessante:

A escola prepara as crianças para o mundo real? 


No atual sistema de ensino, as crianças são ensinadas a desenvolver suas habilidades acadêmicas e não suas habilidades financeiras. E muitas vezes este pensamento é refletido por gerações e os pais reforçam isto por diversas vezes durante a formação de seus filhos, onde por diversas vezes dizem “Não da para comprar isto”, enquanto a frase correta seria “O que posso fazer para comprar isto?” e o simples fato de mudar a expressão força as pessoas a pensarem em como farão para alcançar seus objetivos.

Os ricos não trabalham pelo dinheiro


A maioria das pessoas tem um preço. Este preço é guiado por duas emoções: medo e ambição, o medo de não ter dinheiro que as leva a trabalhar arduamente e, quando recebem o contracheque, a ambição ou o desejo as levam a pensar nas coisas que podem ser compradas. E isto joga as pessoas em um ciclo vicioso, onde os donos os fazem de burros, colocando uma cenoura na frente para fazê-los correr cada vez mais. Surge daí a necessidade da educação financeira.

Para que alfabetização financeira?


A inteligência resolve problemas e gera dinheiro. O dinheiro sem inteligência financeira é dinheiro que desaparece depressa.
                                                                                                                                Robert Kiyosaki advoga a busca pela independência financeira através de investimento, imóveis, ter seu próprio negócio e o uso de táticas financeiras de proteção do patrimônio. O elemento mais central reiterado por Kiyosaki é a defesa da tese de se possuir o sistema ou os meios de produção, ao invés de ser um empregado de alguém.

domingo, 2 de setembro de 2012

AS CINCO LINGUAGENS DO AMOR - Gary Chapman

Por que será que os casais não falam a mesma língua? Contrariando a idéia de que o amor tem uma linguagem universal, o dr. Gary Chapman demonstra que as pessoas expressam e recebem manifestações de amor de diferentes maneiras, que ele denomina linguagens do amor. Após anos de experiência como conselheiro de casais e palestrante em seminários, Chapman identificou cinco delas:

• Palavras de afirmação 
• Tempo de qualidade
• Presentes
• Atos de serviço    
• Toque físico
As cinco linguagens do amor mostra por que só nos sentiremos realmente amados e compreendidos quando a pessoa amada nos expressar seu amor através de nossa linguagem única. Aprendida na infância, ela sensibiliza e alcança, de maneira poderosa e plena, nosso jeito especial de nos sentir amados. 
Você já descobriu sua linguagem do amor? E a linguagem da pessoa a quem você ama? Então, é nas páginas deste livro que você vai encontrar a orientação para descobri-la

Gary Chapman é autor de vários livros sobre relacionamento conjugal, sendo As cinco linguagens do amor seu maior sucesso editorial.


O Amor Inteligente - Enrique Rojas

Li este livro faz muitos anos, ele fala sobre equilíbrio entre o sentimento e a razão para o caminho de um relacionamento Feliz. A leitura deste livro influenciou muito nos meus pensamentos a respeito do amor, foi muito bom aprender sobre o amor em um aspecto psicológico.
Listo aqui algumas perguntas que nos fazem refletir um pouco:
 Qual a receita para um amor duradouro?
 Por que é tão difícil, nos dias de hoje, manter uma relação amorosa?
 Como transformar a chama da paixão num amor verdadeiro?
 Para o médico e psiquiatra Enrique Rojas, a resposta para todas estas angústias modernas encontra-se numa aliança original e aparentemente improvável - razão e sentimento. Experiente terapeuta de casais, Rojas percebeu que a chave da felicidade conjugal reside exatamente em usar a inteligência a favor dos sentimentos. 'O amor inteligente' apresenta o passo a passo de uma alfabetização emocional.





Siga-me por email